Telefonia móvel: Brasil tem queda de 14,09 milhões de linhas

Publicado em

Em abril de 2017, o setor de telefonia móvel no Brasil registrou queda de 14,09 milhões de linhas (-5,5%) comparado a igual período de 2016, segundo dados publicados pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) esta semana.

Em abril, telefonia móvel registrou queda no número de linhas em todos os Estados brasileiros
Em abril, telefonia móvel registrou queda no número de linhas em todos os Estados brasileiros

No mês, todos os Estados apresentaram queda no número de linhas móveis. Os Estados com maiores quedas foram Pernambuco, com redução de 1,21 milhão de linhas (-10,37%), seguido por Ceará, com diminuição de 1,1 milhão de linhas (-10,3%) e Alagoas, com menos 376,41 mil linhas (-10,23%).

No Maranhão, a variação em 12 meses foi de -5,36%, quando o Estado registrou a perda de 325,34 mil linhas móveis, chegando a 5,74 milhões em abril. Entre março e abril de 2017, a queda foi de 7,78 mil linhas (-0,14%).

Banda larga no país registra 27,29 milhões de assinantes

A Anatel divulgou ainda os números da banda larga fixa, que recebeu 73,43 mil novos assinantes (aumento de 0,27%) em abril, se comparado a março de 2017. O número de usuários do serviço ficou em 27,29 milhões. Nos últimos 12 meses, os resultados também são positivos: 1,39 milhão de novos clientes (5,36%).

Número de usuários da banda larga no Brasil alcançou 27,29 milhões
Número de usuários da banda larga no Brasil alcançou 27,29 milhões

De março para abril de 2017, os maiores crescimentos percentuais registrados foram no Ceará, com 14,21 mil novos clientes (2,31%); no Pará, com 6,9 mil (2,23%); e no Maranhão, com 4,19 mil (1,87%).

Nos últimos 12 meses, todos os Estados apresentaram crescimento. Os maiores percentuais foram registrados no Amapá, com 6,81 mil usuários (13,35%); Maranhão, com 26,26 mil (13,03%); e Rondônia, com 14,64 mil (10,93%).

Festival reúne amantes da cerveja

Publicado em

Conhecidos pela paixão por uma ‘loirinha’, os brasileiros têm um motivo a mais para viajar até a capital do Paraná na segunda quinzena deste mês de abril de 2016. É que Curitiba sedia o Have a Beer, primeiro festival de cervejas da cidade entre os dias 15 de abril e 1º de maio. Vão ser 17 dias de evento, em que bares e cervejarias vão oferecer mais de 40 combos por um valor fixo: R$ 19,90.

Os curitibanos poderão aproveitar de forma descontraída e agradável o que está em alta na cidade: a cerveja, seja ela artesanal ou convencional. Os bares e cervejarias participantes trarão destaques de suas cartas de cervejas harmonizados com preparos saborososAna Carolina Nolli, organizadora do festival

Entre os destaques da primeira edição, está a BlackBerry Porter acompanhada por chapada venezuelana (panqueca de milho recheada com queijo derretido e doce de leite), na Tiwanaku Cervejaria; o chope Red Ale ou Large acompanhado por espetinho de picanha com queijo coalho e bolinhos de mandioca e parmesão, no Sam’s Burger & Chicken; o chope Way Witbier ou Chope Way American IPA acompanhados por uma porção de Buffalo Wings supertemperados, na Cervejaria da Vila; o chope Way American Pale Ale acompanhado por bolinho de barreado, na Cervejaria Masmorra; o chope Pilsen Artesanal Saint Bier acompanhado por dadinhos de tapioca e queijo coalho com geleia de pimenta e abacaxi, no Limoeiro Casa de Comidas; e o chope de Trigo Hop Weiss acompanhado por provolone Crocante com calda de maracujá e lúpulo Amarillo, da Muzik Hamburgueria.

Casa oferece chope acompanhado por bolinho de barreado (Foto: Divulgação)
Casa oferece chope acompanhado por bolinho de barreado (Foto: Divulgação)

Veja a lista completa de empreendimentos participantes:
Armazém 71, Asgard Cervejaria, Bar Cana Benta, Barão Restaurante e Petiscaria, Beto Batata – Park Shopping Barigui, Bier Hoff- Shopping Estação, Boaprosa Botecaria, Café do Monge, Casarão Empório Pub, Cervejaria da Vila, Cervejaria Masmorra, Crazybeer, Fritz Cervejaria Artesanal, Folha Seca, Jokers Pub, Limoeiro Casa de Comidas, Menina Zen, Monde Hop, Muzik Hamburgueria, Na Casa do Ganso, Pfau Cervejaria, Sam’s Burger & Chicken e Tiwanaku Cervejaria.