Risco de queimadas no Maranhão em tempo real

Europa 468x60

O Blog do Maurício Araya reúne informações atualizadas em tempo real sobre temperatura, nebulosidade, umidade relativa do ar e risco de queimadas nas cinco regiões do Maranhão: norte, oeste, central, leste e sul.

Risco de queimadas: dados em tempo real

Atualização mais recente: 18 agosto, 2017, 09h14


São Luís

Sensação térmica
Nebulosidade
Umidade relativa do ar¹
Risco de queimadas²

Imperatriz

Sensação térmica
Nebulosidade
Umidade relativa do ar¹
Risco de queimadas²

Barra do Corda

Sensação térmica
Nebulosidade
Umidade relativa do ar¹
Risco de queimadas²

Timon

Sensação térmica
Nebulosidade
Umidade relativa do ar¹
Risco de queimadas²

Balsas

Sensação térmica
Nebulosidade
Umidade relativa do ar¹
Risco de queimadas²

¹ Índice OMS: entre 20% e 30% – estado de atenção; entre 12% e 20% – estado de alerta; abaixo de 12% – estado de emergência.
² Índice CBI: <50 baixo risco; 50-75 risco moderado; 75-90 alto risco; 90-97.5 risco muito alto; <97.5 extremo.


Cuidados com a baixa umidade relativa do ar

Entre 20% e 30% (estado de atenção):
– Evite exercícios físicos ao ar livre entre 11h e 15h;
– Umidifique o ambiente com vaporizadores, toalhas molhadas e recipientes com água;
– Sempre que possível, permaneça em locais protegidos do sol.
– Consuma água à vontade.


Continua após a publicidade


Entre 12% e 20% (estado de alerta):
– Observe as recomendações do estado de atenção;
– Evite exercícios físicos e trabalhos ao ar livre entre 10h e 16h;
– Evite aglomerações em ambientes fechados;
– Use soro fisiológico para olhos e narinas.

Abaixo de 12% (estado de emergência):
– Observe as recomendações para os estados de atenção e de alerta;
– Interrompa qualquer atividade ao ar livre entre 10h e 16h;
– Suspenda atividades que exijam aglomerações de pessoas em recintos fechados;
– Durante as tardes, mantenha com umidade os ambientes internos, principalmente aqueles onde há crianças e idosos.


Estatísticas de queimadas no Maranhão

Cameba 468x60

Participe! Deixe o seu comentário: