VÍDEO: eclipse solar de 21 de agosto em timelapse

Publicado em

Nesta semana, o mundo inteiro voltou os olhos aos Estados Unidos. O eclipse solar de 21 de agosto trouxe, para os cientistas, uma grande oportunidade de contemplar o espetáculo e realizar estudos inéditos sobre a Lua e o Sol, e, por isso, foi considerado o ‘eclipse do século’ por lá.

Eclipse solar parcial em São Luís
Eclipse solar parcial em São Luís (Foto: Maurício Araya)

Você viu, no Blog do Maurício Araya: a Lua encobriu totalmente o Sol por cerca de 2 minutos e 30 segundos, e sua sombra percorreu 14 dos 50 Estados Unidos.

A sombra da Lua percorreu, ainda, países da América do Norte, América Central, Caribe, ao norte da América do Sul e oeste da Europa e África também puderam observar o eclipse do Sol.

Em São Luís, um dos pontos de melhor observação do eclipse solar parcial no Brasil, a Lua começou a encobrir o Sol por volta das 16h (horário de Brasília), chegando ao seu ápice – cerca de 40% – pouco após as 17h10.

Como amante da ciência, em especial a astronomia, resolvi fazer, também, algumas experimentações. Usando cinco câmeras – entre elas duas fotográficas, duas de aventura e uma de celular –, registrei o eclipse solar de 21 de agosto.

Uma das minhas dúvidas era: temos a percepção visual da passagem da Lua sobre o Sol durante um eclipse parcial? No registro em timelapse – processo de aceleração das imagens –, pude reparar que, ainda que pequena, a percepção visual é, sim, de um ‘escurecimento’.

Essa percepção, claro, é proporcionada pelo horário em que o eclipse aconteceu: próximo ao pôr do Sol, a atmosfera terrestre funciona como filtro, permitindo a observação e até o registro, em fotografia e vídeo, do disco do Sol. Por isso, quase no fim da passagem, foi possível registrar o eclipse sem o Sol parecer só um clarão nas imagens.

No Brasil, eclipse solar foi observado de forma parcial
No Brasil, eclipse solar foi observado de forma parcial (Foto: Maurício Araya)

No vídeo, entretanto, a própria câmera se encarregou de corrigir a aparente falta de luz.

Como observar um eclipse solar com segurança?

Já havia pesquisado sobre formas de como observar o fenômeno com segurança e com materiais simples, já que não é recomendado olhar por muito tempo para o Sol – e, principalmente, durante um eclipse solar parcial, em que a percepção visual do fenômeno a olho nu é quase nula.

Uma das formas de observação, segundo o que havia pesquisado, é pela projeção por meio de um espelho de aumento. Não resultou.

Outra, seria a projeção por meio de uma caixa de cereal ou de sapato, por exemplo. Basta fazer um furo em uma face e, dentro da caixa, a imagem do eclipse seria projetada – no mesmo princípio do funcionamento das câmeras fotográficas. Esse foi o método mais acertado.

Para observar o andamento do eclipse em segurança, usei uma caixa de projeção
Para observar o andamento do eclipse em segurança, usei uma caixa de projeção (Foto: Maurício Araya)

Com um furo em uma folha de papel, por exemplo, é possível projetar a mesma imagem em outras superfícies, como uma parede ou outra folha de papel.

Usando uma folha de papel com um furo, também é possível projetar o eclipse na parede, e acompanhar o fenômeno sem risco
Usando uma folha de papel com um furo, também é possível projetar o eclipse na parede, e acompanhar o fenômeno sem risco (Foto: Maurício Araya)

As regiões Norte e Nordeste do Brasil vão experimentar, nos próximos anos, mais dois eclipses solares: um em 14 de outubro de 2023, com um eclipse anular, em que a Lua fica, de forma aparente, menor que o Sol, criando a imagem de um círculo de fogo durante o ápice do fenômeno; e outro no dia 12 de agosto de 2045, quando um eclipse solar total poderá ser observado nos Estados do Amapá, Pará, Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco.

E um detalhe: em 2045, moradores das cidades de Belém, São Luís, João Pessoa e Recife terão o melhor ponto de observação do eclipse, com duração de até 6 minutos.

FOTOS: eclipse solar de 21 de agosto em São Luís

Publicado em

O mundo inteiro voltou os olhos aos Estados Unidos nesta segunda-feira (21). Emissoras de televisão e redes sociais repercutiram bastante o eclipse solar de 21 de agosto: os norte-americanos tiveram uma rara oportunidade de observar o fenômeno – considerado, por alguns, o ‘eclipse do século’. A Lua encobriu totalmente o Sol, e sua sombra percorreu 14 Estados.

No Brasil, eclipse solar foi observado de forma parcial
No Brasil, eclipse solar foi observado de forma parcial (Foto: Maurício Araya)

Habitantes de países da América do Norte, América Central, Caribe, ao norte da América do Sul e oeste da Europa e África também puderam observar o eclipse do Sol, mas de forma parcial. No Brasil, moradores das regiões Norte e Nordeste foram os privilegiados.

Eclipse solar parcial em São Luís
Eclipse solar parcial em São Luís (Foto: Maurício Araya)

Em São Luís, um dos pontos de melhor observação do eclipse solar parcial, as condições do tempo permitiram a observação. A Lua começou a encobrir o Sol por volta das 16h (horário de Brasília), chegando ao seu ápice – cerca de 40% – pouco após as 17h10.

Eclipse solar parcial em São Luís
Eclipse solar parcial em São Luís (Foto: Maurício Araya)
Eclipse solar parcial em São Luís
Eclipse solar parcial em São Luís (Foto: Maurício Araya)
Até o pôr do sol, Lua encobriu parcialmente o Sol em São Luís
Até o pôr do sol, Lua encobriu parcialmente o Sol em São Luís (Foto: Maurício Araya)
Até o pôr do sol, Lua encobriu parcialmente o Sol em São Luís
Até o pôr do sol, Lua encobriu parcialmente o Sol em São Luís (Foto: Maurício Araya)
Para observar o andamento do eclipse em segurança, usei uma caixa de projeção
Para observar o andamento do eclipse em segurança, usei uma caixa de projeção (Foto: Maurício Araya)
Usando uma folha de papel com um furo, também é possível projetar o eclipse na parede, e acompanhar o fenômeno sem risco
Usando uma folha de papel com um furo, também é possível projetar o eclipse na parede, e acompanhar o fenômeno sem risco (Foto: Maurício Araya)

Com o tempo, eclipses solares totais vão se tornar menos frequentes

Em média, um eclipse solar total ocorre, aproximadamente a cada 18 meses em algum lugar da Terra, dependendo de um alinhamento perfeito entre Sol, Lua e Terra.

Geralmente, quando se fala em um eclipse, total ou parcial, nós damos maior importância ao Sol, mas é a Lua que também tem um papel fundamental no fenômeno. E é exatamente por isso que eventos espetaculares como os eclipses solares totais, em certo tempo, cessarão.

É que a Lua, em média, explicam os cientistas, distancia-se lentamente da Terra, a uma taxa de quatro centímetros por ano. Com o afastamento do satélite natural, seu tamanho aparente no céu será muito pequeno para cobrir o Sol completamente.

No entanto, não se preocupe: só daqui a 600 milhões de anos, a Terra experimentará um eclipse solar total pela última vez.

Rio Anil Play reúne Thaynara OG e outros influenciadores digitais em São Luís

Publicado em

As plataformas digitais proporcionaram uma interação sem precedentes na história: território livre, as redes sociais e outros canais on-line passaram a ser um espaço para produção de conteúdo e de veiculação de ideias de pessoas ‘comuns’. Aqueles que conseguem impactar na vida dos seguidores e mobilizar um grande público são chamados de influenciadores digitais, e sete deles, de projeção nacional – entre eles, a maranhense Thaynara OG –, vão estar reunidos em São Luís, de 24 a 27 de agosto de 2017, para participar do Rio Anil Play, evento promovido pelo Rio Anil Shopping, na praça de eventos.

Além dos influenciadores de projeção nacional, o Rio Anil Play convidará influenciadores locais para intercâmbio de ideias e experiências.

Rainha do Snapchat, Thaynara OG mostra o ‘poder do Kiu!’

A abertura do Rio Anil Play ocorre na quinta-feira (24), às 14h30, com Thaynara OG, que ficou famosa com seus vídeos divertidos no Snapchat e seu bordão: ‘Kiu!’.

Rio Anil Play reúne Thaynara OG e outros influenciadores digitais em São Luís
Rio Anil Play reúne Thaynara OG e outros influenciadores digitais em São Luís (Foto: Reprodução/Instagram @SaoJoaodaThay)

A fama da maranhense rompeu fronteiras e hoje acumula mais de 2 milhões de seguidores só no Instagram.

A influenciadora conversará com os seguidores sobre fama, trabalhos, produção para redes sociais e ainda reproduzirá ao vivo quadros que a fizeram ‘vencer na vida’, como o Thay Responde.

Zoeira sem limites no Rio Anil Play

O canal do Youtube Desimpedidos, no qual a zoeira no futebol é sem limites, terá seu representante na programação. O personagem Bolívia Zica, que tem um talkshow com jogadores e cuja identidade ninguém conhece, estará no Rio Anil Play, na sexta-feira (25), às 17h.

Bolívia Zica vai trocar figurinhas com o público da zoeira no Rio Anil Play
Bolívia Zica vai trocar figurinhas com o público da zoeira no Rio Anil Play

Mais do que o maior canal de esportes do Youtube na América Latina, o Desimpedidos é uma verdadeira comunidade de amantes do futebol e da tiração de sarro que rola entre os torcedores.

São mais de 10 milhões de fãs e seguidores nas diversas plataformas sociais da internet.

Beleza e comportamento

No sábado (26), o segmento de beleza e comportamento infanto-juvenil será o foco das discussões, com a presença das youtubers Nathany e Mariany Petrin Martins, do canal Beleza Teen, às 17h.

Youtubers Nathany e Mariany Petrin Martins, do canal Beleza Teen, também vão estar no Rio Anil Play
Youtubers Nathany e Mariany Petrin Martins, do canal Beleza Teen, também vão estar no Rio Anil Play

As irmãs de 13 e 14 anos possuem milhares de seguidores no canal no YouTube, que criaram em 2013. As meninas fazem vídeos falando sobre fatos engraçados do dia a dia, dão dicas de maquiagem para ir para a escola, fazem desafios e falam de comportamento.

Ao vivo, elas darão dicas de moda e beleza no palco.

Encerramento ganha o ritmo da dança

O encerramento do Rio Anil Play no domingo (27), às 17h, será ao ritmo da FitDance, cujo canal oficial no YouTube possui mais de 100 milhões de visualizações mensais e, com mais de 5 milhões de inscritos, está entre os top 30 canais de maior expressão do Brasil e um dos mais importantes canais de dança do mundo.

Dançarinos Taynah Smith, Naiane Darlen e Dhieggo Astral representam a galera do FitDance no evento
Dançarinos Taynah Smith, Naiane Darlen e Dhieggo Astral representam a galera do FitDance no evento

Os dançarinos Taynah Smith, Naiane Darlen e Dhieggo Astral vão responder perguntas do público e finalizar a programação com um show de ritmos e alegria.

Programação do Rio Anil Play

Dia 24, às 14h30 – Thaynara OG;
Dia 25, às 17h – Bolívia Zica (canal Desimpedidos);
Dia 26, às 17h – Nathany e Mariany Petrin Martins (Beleza Teen);
Dia 27, às 17h – Taynah Smith, Naiane Darlen e Dhieggo Astral (FitDance).

Operação Curió Legal: Polícia Federal prende 9 pessoas em flagrante no Maranhão

Publicado em

A Polícia Federal (PF), com o apoio do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) e do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), realizou nesse domingo (13) a Operação Curió Legal, na Região Metropolitana de São Luís, em que prendeu 9 pessoas em flagrante, além de apreender 62 aves, 3 armas de fogo, munição – sendo 1,75 mil projéteis de pistola 9 mm e 101 de fuzil 556 – e 2 caixas acústicas usadas para treinamento, de modo cruel, de pássaros cantores.

62 aves foram apreendidas pela Operação Curió Legal, da PF, Ibama e ICMBio
62 aves foram apreendidas pela Operação Curió Legal, da PF, Ibama e ICMBio (Foto: SRPF-MA)

A ação policial ocorreu em um clube local usado para as competições e bastante frequentado por criadores de canários e outras aves.

O objetivo da operação foi combater delitos ambientais contra a fauna praticados por meio de torneios entre pássaros canoros. A partir das investigações, a PF constatou os delitos praticados por criadores amadoristas competidores.

A PF encontrou anilhas falsas ou fraudadas, usadas pelos criadores nos concursos, e, muitas vezes, segundo a PF, os pássaros nem se quer possuem a referida marcação. Há mais de um ano o Ibama não entrega anilhas novas a criadores amadoristas no Maranhão.

Criadores usavam anilhas falsas ou fraudadas, já que há mais de um ano o Ibama não entrega anilhas novas
Criadores usavam anilhas falsas ou fraudadas, já que há mais de um ano o Ibama não entrega anilhas novas (Foto: SRPF-MA)

Muitos dos pássaros, explica a PF, são capturados na natureza de forma clandestina e, neles, são postas anilhas falsas, caracterizando delitos do Art. 296. do Código de Processo Penal e Art. 29. da Lei de Crimes Ambientais (Lei nº 9.605/98).

Os pássaros vencedores passam a ter muito valor, chegando a custar dezenas de milhares de reais cada um, ainda de acordo com a PF.

Participaram da Operação Curió Legal 55 policiais federais, 10 servidores do Ibama e 2 do ICMBio.

Sesc-MA realiza cursos nas áreas de decoração e culinária em agosto

Publicado em

O Serviço Social do Comércio no Maranhão (Sesc-MA) ministra, em agosto de 2017, os cursos de valorização social “Lembrancinha de Biscuit para Aniversário”, “Artesanato com caixa de MDF” e “Molhos, licores, compotas e doces”. A iniciativa promove capacitação de comerciários e da comunidade em geral, e os cursos são gratuitos.

Curso de culinária traz orientações sobre embalagens, formas de armazenamentos e higiene
Curso de culinária traz orientações sobre embalagens, formas de armazenamentos e higiene

Para participar, os interessados podem realizar a inscrição no período de 14 a 21 de agosto, na Sala de Técnicos do Sesc Deodoro (Centro de São Luís), das 7h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h30, apresentando cópia da identidade, CPF e comprovante de residência no ato da inscrição.

No curso “Lembrancinha de Biscuit para Aniversário”, os participantes conhecem técnicas para confecção, materiais utilizados, modelagem, bem como a finalização e o acabamento. As aulas ocorrem de 11 a 15 de setembro, no auditório do Sesc Deodoro, das 13h30 às 17h30.

Aulas ocorrem em setembro de 2017, no auditório do Sesc Deodoro, Centro de São Luís
Aulas ocorrem em setembro de 2017, no auditório do Sesc Deodoro, Centro de São Luís

Já no curso “Artesanato com caixa de MDF”, a criatividade é um elemento de destaque e aliada ao conhecimento técnico promete resultados atrativos para fazer de uma caixa simples um bom objeto de decoração e, assim, humanizar ambientes. O curso ocorre entre 18 e 22 de setembro, na Associação das Mulheres Recicladoras de Vidro, no bairro do Sá Viana, das 13h30 às 17h30.

E nas aulas do curso “Molhos, licores, compotas e doces”, os participantes vão aprender a arte de confeccionar molhos para acompanhar receitas, produzir bebidas usando ervas, frutas e temperos, assim como fazer conservas de frutas e outros vegetais em compotas, sem esquecer é claro dos doces e guloseimas. O curso traz ainda orientações sobre embalagens, formas de armazenamentos e higiene pessoal. As aulas ocorrem entre os dias 25 a 29 de setembro, no Centro Espírita Eurípedes Barsanulfo, no bairro da Alemanha, também das 13h30 às 17h30.

A lista de selecionados será divulgada no dia 28 de agosto, pela internet.