domingo, outubro 22, 2017
Início > Dicas > Citronela é repelente natural contra insetos e mosquitos

Citronela é repelente natural contra insetos e mosquitos

Neste período, de muita chuva na cidade onde eu moro – São Luís (MA) –, os mosquitos aparecem de forma avassaladora. Basta uma chuvinha, lá vem eles. E em um momento como este, em que nos preocupamos com a proliferação de doenças transmitidas pelos mosquitos – em especial o Aedes aegypti – como dengue, chikungunya, zika e até a febre amarela, vale tudo para tentar se proteger. Estou me cuidando como posso: uso repelente corporal quando vou para a rua, repelente elétrico em casa, e por aí vai. Mas testei uma dica de repelente natural que gostaria de compartilhar com vocês: a citronela.

De antemão, queria avisar que, para essa dica, a experiência foi puramente empírica – ou seja, não me baseio em dados científicos.

Essência de citronela é aliada contra insetos e mosquitos
Essência de citronela é aliada
contra insetos e mosquitos

Basicamente, minhas dicas são sobre o uso da essência de citronela, que no mercado costuma variar de preço, entre R$ 10 e R$ 25. O uso dessas essências, em geral, é para aromatizar os ambientes; mas vou ensinar três formas que vocês podem usar a essência como aliada nessa tarefa.

Dica 1 – na limpeza da casa: após varrer ou aspirar o pó dos ambientes, passe um pano de chão ou esfregão umedecido com a mistura de água e algumas gotas da essência de citronela (e nesse caso, eu recomendo, que sejam poucas gotas mesmo, porque o aroma da citronela já é bem carregado). Essa, sem dúvida, foi a mais eficiente forma de usar a essência de citronela como repelente aqui em casa. Mesmo depois de um dia inteiro de chuva, nenhum mosquito apareceu em casa.

Dica 2 – na corrente de ar: use o corredor de ventilação da sua casa ao seu favor. Para isso, vale a mesma recomendação usada para repelentes elétricos ou de outros tipos. Com um borrifador, espalho a mesma mistura de água e algumas gotas da essência de citronela nas cortinas. Uso, ainda, um pouco dessa mistura na roupa de cama, para ajudar a deixar o mosquito bem longe enquanto estou dormindo.

Dica 3 – no difusor de aromas: reutilizei o recipiente de um difusor de aromas para, também, auxiliar nessa tarefa, usando a mesma misturinha que já falei – água e essência de citronela. Para as varetas, você pode usar aqueles espetos de madeira encontrados facilmente no supermercado.

Citronela não basta; é preciso entrar na guerra contra o mosquito

Todas as dicas – ainda mais as naturais – são válidas, mas é necessário ter atenção e não vacilar com o mosquito da dengue.

É preciso eliminar locais que facilitam o acumulo d’água, inspecionando bem sua casa ou apartamento, e algumas dicas de como fazer isso vocês encontram na página eletrônica do Ministério da Saúde na internet.

E você, tem alguma dica para compartilhar com a gente? Use os comentários. Quero muito testar outras técnicas para evitar esses mosquitinhos chatos.

Gostou do conteúdo? Então, deixe seu comentário; ele é muito importante para mim. Envie sua sugestão de novos assuntos pelo Messenger. Curta e siga o Blog do Maurício Araya no Facebook, Twitter e Instagram; e inscreva-se no canal no YouTube.


000000
Maurício Araya
Jornalista graduado (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e G1 Maranhão; e vencedor de duas etapas estaduais do Prêmio Sebrae de Jornalismo, categoria Webjornalismo
http://www.mauricioaraya.com.br