Abert repudia invasões a emissoras

Feriados 468x60

Duas emissoras afiliadas da Rede Globo em Palmas e Fortaleza foram invadidas por manifestantes contrários à gestão do presidente em exercício, Michel Temer (PMDB), nesta sexta-feira (10). Na sede da TV Anhanguera, no Tocantins, atiraram ovos e um líquido ácido, atingindo dois seguranças terceirizados e um funcionário da empresa. No Ceará, um grupo de manifestantes entrou na recepção da TV Verdes Mares gritando palavras de ordem contra a emissora.

Leia também:


Continua após a publicidade


A Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert), em nota assinada pelo seu presidente, Daniel Pimentel Slaviero, repudiou veementemente a onda de invasões a afiliadas da Globo, ressaltando que os “veículos de comunicação cumprem o papel de informar com isenção e qualquer tentativa de intimidação é uma afronta à liberdade de imprensa e de expressão”, e pediu às autoridades a apuração rigorosa dos fatos e a punição dos responsáveis.

A associação representa 3,6 mil emissoras privadas de rádio e televisão no país.

Corrida 468x60

Jornalista graduado (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e G1 Maranhão; e vencedor de duas etapas estaduais do Prêmio Sebrae de Jornalismo, categoria Webjornalismo

Visualizar publicações